A realidade virtual tem que vender coisas e fazer com que ele precise conquistar o coração (as carteiras) dos consumidores. Um estudo publicado pela GfK apontou que o mercado do Reino Unido para os visores de realidade virtual será o PlayStation VR, mesmo que as vendas de produtos da Sony superem a combinação Oculus Rift e HTC Vive. É claro que a razão está fundamentalmente no preço dos modelos e na demanda pelo hardware necessário para seu uso (HTC e Oculus não têm realmente pedidos amigáveis). Além disso, não podemos esquecer que o PS4 parte da grande vantagem de já ter, por si só, conquistado uma grande fatia de mercado com seus quase 4 milhões de vendas só no Reino Unido. Além disso, como também pudemos ver na análise feita por Fraws, o VR PlayStation tem muito pouco a invejar aos seus colegas para PCs, por isso é mais atraente para quem não tem vontade de gastar muito dinheiro e ainda tira proveito da tecnologia de ponta. .

Além disso, já vale a pena considerar o fato de que as vendas de jogos para o visualizador da Sony também estão aumentando, com nove títulos já presentes no top 40 do Reino Unido.

Em resumo, é bastante claro que os dados ainda são muito parciais e dizem respeito a um mercado relativamente pequeno em comparação com o mercado europeu ou mundial, no entanto, a tendência não deve ser subestimada e, no momento, parece que o PS4 pode representar esse veículo, um pouco ao seu alcance de tudo, através do qual as realidades virtuais podem entrar em nossas casas no futuro.