A THQ Nordic demonstrou uma apetite insaciável no 2018, jogando-se em um ldesvendar séries de aquisições. Estes, muitas vezes, dizem respeito à PI e às marcas há muito abandonadas, como Reinos de Alamur, mas a THQ Nordic não se limitou a isso, e as aquisições prosseguem também no 2019. De fato, no mês passado, o gigante tinha comprou os direitos do jogo Páriae agora ele garantiu outro acordo: a aquisição da Warhorse Studios, os desenvolvedores de Reino vem: libertação.

O RPG medieval de Warhorse estava fora exatamente um ano atrás, e desde então ele vendeu mais de de milhões de cópias em várias plataformas (para ler o que pensamos do jogo, dê uma olhada aqui) Como parte da aquisição, a THQ Nordic também garantiu i direitos de propriedade intelectual Warhorse, que vai iniciar hoje uma subsidiária da Koch Media, o grupo que publicará Êxodo do metrô.