Aparentemente Riot Games será forçado a pagar cerca de um milhão de dólares da 10 a funcionárias que trabalharam para a empresa nos últimos anos da 5.

A notícia é dada por Los Angeles Times e é a conclusão de um acordo encontrado após a denúncia de novembro passado pelos funcionários da Riot Games, que apontaram que muitos deles recebiam menos salários do que seus colegas do sexo masculino nas mesmas posições.

De acordo com o acordo alcançado, cada um dos participantes da ação judicial receberá uma certa quantia em dinheiro desse fundo de 10 milhões, quantia estudada caso a caso.

Segundo Kotaku Riot Games ela está feliz por ter definido esse contrato de forma a não continuar com a ação legal que poderia ter sido muito mais perigosa do que o mero dano econômico recebido pela empresa.

Obviamente Tumulto não interrompeu as ações realizadas apenas para remuneração, mas também atuou na estrutura da empresa, com muitas ações muito difíceis contra os elementos problemáticos e a contratação de um gerente que terá a tarefa de supervisionar qualquer discriminação na empresa .