Nioh, o título de ação semelhante a uma alma desenvolvido por Koei Tecmo, alcançou recentemente os 3 milhões de cópias vendidas desde o seu lançamento em fevereiro de 2017. Inicialmente exclusivo para Playstation, o Liberação para PC ocorreu em novembro de 2017.

Considerando as cópias físicas distribuídas nas lojas e as versões digitais adquiridas diretamente pelos consumidores, a Nioh conseguiu alcançar 3 milhões de cópias vendidas em todo o mundo. Bem a tempo para o terceiro aniversário do jogo, que foi ontem. Koei Tecmo comemorou o brilhante marco através de um tweet:

Esse resultado é ainda mais importante, considerando que Nioh 2 é praticamente nos portões, com o lançamento esperado em pouco mais de um mês. A partir das diferentes visualizações, parece que a sequência não se baseou apenas nas várias Dark Souls, mas também que promove um estilo de luta mais agressivo, piscando no Condenação de 2016. Tudo para incentivar os jogadores a adotar uma abordagem mais ativa e proativa do que no passado e ao que estamos acostumados a ver em tais títulos.

NIOH

Nioh 2 será diferente do primeiro em muitos aspectos. Em primeiro lugar, não teremos mais um protagonista predefinido (como William era), mas os jogadores estarão livres para criar seu personagem. "Jogadores de todo o mundo poderão personalizar seu personagem para torná-lo parecido com eles mesmos ou com o que você quiser. Eles serão capazes de mergulhar na história como eles mesmos"O presidente da equipe Ninja, Yosuke Hayashi, disse para VG247. A possibilidade de criação do personagem deu-se justamente a partir dos inúmeros feedbacks dos jogadores, que no primeiro capítulo reclamaram da ausência dessa possibilidade.