Persona 5 Royale corrige homofobia

A Atlus confirmou que algumas linhas controversas de diálogo terão mudado na versão ocidental.

0

Após a saída para o oeste de Persona 5 algumas frases endereçadas a Ryuji, entre os protagonistas do jogo, criaram polêmica por serem consideradas homofóbicas. De acordo com as declarações de Ari Advincula, responsável pela comunicação de Atlusem Persona 5 Royal esses diálogos terão mudado.

Em entrevista ao IGN, ele disse:

"Revimos as frases que os jogadores ocidentais podem não ter gostado e, após o feedback delas, as mudamos"

As frases foram pronunciadas no jogo original por dois homens particularmente efeminados. O público ocidental reagiu mal a personagens excessivamente estereotipados e sexualmente agressivos em relação a Ryuji.

Ele também se expressou sobre o assunto Yu Namba, responsável pela localização no oeste, que declarou um GameSpot:

“Nós pintamos esses dois personagens como predadores. Penso que está claro que a comunidade reagiu fortemente a isso e, portanto, em Royal isso mudará. Como responsável pela localização, não posso agir muito sobre como os autores escrevem o jogo. Nossa equipe ainda se sentiu envergonhada com essas cenas e pretendíamos torná-la presente para Royal.
Fizemos um esforço considerável, interagindo não apenas com os autores, mas também com o departamento de marketing, perguntando como essa mudança seria percebida pelos jogadores e pela empresa ".

Persona 5 Royale será lançado no oeste em 31 de março.