Já em novembro de 2020, Respawn havia banido cerca de 400 jogadores de Lendas do Apex alcançou as classificações mais altas depois de tirar vantagem de uma falha que lhes permitiu jogar contra jogadores de classificação muito inferior. O analista de segurança da Respawn, Conor Ford, revelou agora sobre Twitter que outras 700 contas, com classificações variando de Gold a Predator, foram banidas.

“Mais de 700 contas usadas para trapacear na Classificada (Gold-Pred) foram banidas permanentemente desde a última quinta-feira. Isso não inclui e não incluirá nenhuma conta que tenha usado o exploit infinito do Heat Shield. "

A Ford então anunciou que pouco mais de 180 contas estavam nas duas primeiras classificações da Apex Legends - Diamond e Predator - enquanto o resto era Gold e Platinum. Pode parecer uma onda de banimento relativamente pequena em comparação com, por exemplo, Call of Duty: Warzone, mas a Ford deixou claro que Respawn bane cerca de 100.000 jogadores do Apex Legends por mês, com a contagem total se aproximando de dois milhões de jogadores.