A Sony entrou com um pedido de patente para desenvolver uma inteligência artificial que pode aprenda o estilo de jogo de uma pessoa e então copiá-lo, jogando o videogame em vez do humano.

Apenas nos dias em que o Comissão Europeia apresenta sua proposta de regular a inteligência artificial no velho continente, A Sony iniciou um novo projeto que pode revolucionar o mundo dos videogames graças ao AI. 

Como diz o site SegmentNext, a patente se desenvolveria em quatro estágios, e seria descrita como "um modo de controle baseado em inteligência artificial automatizada para realizar tarefas específicas dentro de aplicativos de videogame ".


No início, o projeto atribuiria ao jogador um perfil de IA vazio, por padrão. Esse perfil, então, examinaria a maneira de jogar do usuário em diferentes contextos. Nesse ponto, o programa geraria um padrão de comportamento capaz de imitar as peculiaridades do jogador. Isso criaria uma espécie de "piloto automático", que permite ao usuário ter um substituto para jogar por ele.

No contexto da patente, a Sony também fornece dois exemplos de uso dessa tecnologia. O primeiro é a conclusão de missões difíceis para o jogador, o que exigiria muitas tentativas. Nesse caso, também haveria uma forma de sinalizar que o jogador concluiu aquela missão específica com a ajuda da IA.

O segundo é uso em jogos cooperativos multijogador que requerem muitas horas de jogo. Neste caso, a IA poderia ser usada para continuar avançando com seu personagem enquanto o jogador está no trabalho ou tem outros compromissos.

Sony começou a investir em um projeto que desenvolveu inteligências artificiais desde 2019, e este pode ser o primeiro fruto desse projeto.