Com o anúncio do novo Free-to-Play The Division Heartland, de Tom Clancy, A Ubisoft está pronta para começar uma mudança de curso para um investimento mais ativo no domínio dos jogos gratuitos. O anúncio foi feito pelo diretor financeiro da software house francesa Frederick Duguet.

De acordo com Duget, "A produção de 3-4 jogos premium por ano não é mais uma indicação adequada dos valores da Ubisoft", confirmando assim a real disposição da empresa em retornar i Free-to-Play sua principal fonte de renda.

Isso significa que a Ubisoft vai sair das lojas e do desenvolvimento de títulos Triplo A? Obviamente que não, mas com toda a probabilidade começaremos a ver menos títulos como Assassin's Creed: Valhalla e The Crew no horizonte, a favor de jogos grátis (e com microtransações) como Hyper Scape ou definido dentro de todas as outras propriedades intelectuais da empresa Montreuil.