A Sony confirma que apesar da chegada do PS5, o suporte do PS4 continuará sendo essencial pelo menos até 2023.

A casa japonesa não quer abandonar os mais de 116 milhões de PS4 vendidos, pelo menos não por enquanto. A Sony espera que no ano fiscal de 2022 o console da geração antiga cobrirá 70% do total de compras na PS Store. Isso levará a uma formação de títulos extremamente sólida nesses dois anos, graças também ao apoio das software houses. Resumindo, o PS4 deve se tornar o console mais antigo da história do PlayStation, guiando os jogadores para a próxima geração sem abandoná-los no curto prazo.

A distribuição do PS5 no próximo ano deve alcançar 14,8 milhões de consoles, mas no momento possuir um ainda é um privilégio para poucos sortudos. À luz disso, é claro que a Sony não quer abrir mão de uma fatia tão grande de jogadores como a instalada no PS4 para dar um salto real no vazio.

O que você espera no curto prazo, talvez uma superabundância de títulos de várias gerações? Deixe-nos saber com um comentário abaixo!